#poetarecalcado

Acordar e encarar mais um típico dia

seria bem mais fácil se ontem não tivesse lido o seu:

te amo meu …”

porque não teria sonhado contigo.

Que esse não seja mais uma poesia de um

#poetarecalcado,

mas será, sempre, o desabafo de quem

procura, mas não te acho do lado.

Eu sei, eu sei que nossa relação é bem clichê,

ontem fui seu amor e hoje virei seu amigo,

afinal, ontem, li que você me amava, e é só !

Não há nada além disso…

Confuso, confuso e confuso

me deixaste confuso.

Aaaah como odeio está no olho do furacão.

cheio de conflitos, aperreio e anseio de rejeição,

por isso “querida” sinta-se culpada,

pois não sei quanto vale um te amo, muito menos seu.

Anúncios

#louçasuja

Bom dia minha Belezura

e que maravilha,

vou me apressar em lavar a louça,

suja na pia.

Hmmm que bom café, tomei,

sendo assim, louça suja novamente terei,

então lavarei cantando

para os males ir espantando.

Quando acordei, cego de burrice,

não enxerguei que a vida me deu o nada para fazer hoje,

mas ainda me deixou o tudo, que nele pensarei

e ainda uma sobra sua para amar.

O que faço para viver ?

Não sei, pensarei menos

para viver mais com o que Tu me presentear,

se for, somente, louças sujas, água nelas jogarei.

#ParaEla

Para ti, minha menina doce

que ainda está escondida,

‘muleka’ dos sonhos

por quem estou a procurar.

Para ela, que dominou meu coração

antes mesmo do primeiro encontro,

dedico toda minha espera,

incansável espera.

Haverá de chegar o nosso tempo,

nossa noite, nossos beijos, nossos rolos,

e histórias, vividas, por nossas vidas.

Chegarás, eu sei,

te encontrei, tenho certeza,

que um dia te olharei e verei que será para sempre.

Para ela, que uma dia ‘encabulada’ sorrirá para mim,

será a minha  inspiração, como várias canções

que darei a ti.

#perdão

Pecar é bom, dá prazer

e satisfação, 

porém mata sem  ninguém ver.

 

Posso pintar uma parede com belas cores

e sem querer suja-la, porque 

o que quero, não faço, todavia

o que não quero, cometo.

 

Perdão santo Senhor

por manchar teu sacrifício,

que pelo sangue foi escorrido.

Perdão, por grande amor 

que por Ti oferecido,

mas com ingratidão

tenho dele vivido.

 

Não posso me esconder, 

pois é com tua verdade 

que quero viver, 

Sim eu quero e teu perdão… esse contemplar.